Páginas

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Provas finais

Chega final de ano e já é sabido que provas nos são os meios para nos auferir conhecimento. Pois bem: chega a prova final, se tu vai bem, passou; se não, pega recuperação e tenta de novo. Aí se não passar, só ano que vem. Logo, o senhor e a senhorita aí do outro lado terão, mesmo depois de tudo, NOVA CHANCE. Óbvio, não?!
Até quando podemos nos dar novas chances? A partir de que momento não devo mais dispor de uma nova chance num amor? Em uma amizade? Em uma remissão? Tudo acumula. Já dizem os bons que tudo em excesso faz mal. Afinal, amar de mais faz mal? Pense, amigo(a): Quantas chances já foram dadas e nada mudou. Se ainda não mudou, achas mesmo que outrora mudará? Quem sabe, se você for como o Luan Santana, poderá ficar esperando, esperando... E as novas chances? Vão se exaurindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário